Reestruturação do curso

O curso de Biblioteconomia da UCS estará passando por uma reestruturação a partir do próximo semestre.

No último encontro presencial houve uma palestra sobre o assunto. Talvez seja útil para quem está pensando em realizar o curso: https://ucsbr.adobeconnect.com/pwvm0bm2raka/

ATENCAO: Muitos conteúdos do blog ficarão desatualizados com a reestruturação do curso. Por isso, recomendo sempre tirar dúvidas diretamente com a coordenação.

 

Anúncios

Tempo, tempo, tempo…

Entrei na sétima semana de estágio e na sétima semana de aula.

Apesar de ter apenas conhecido de maneira rápida cada setor da biblioteca, sinto-me muito mais preparada para atuar como bibliotecária. Que experiência maravilhosa. Sinto-me muito à vontade dentro de uma biblioteca – e fiquei feliz em saber que também do lado de dentro do balcão.

As provas aproximaram-se em velocidade de trem-bala. De repente já é hora de ir a Caxias. Felizmente serão apenas duas provas. As duas últimas – acreditando que passarei nas duas. 🙂

Com esta ida a Caxias, encerrarei as viagens para realizar provas. Bate uma alegria misturada com melancolia. No final, a vida passa mesmo em um piscar de olhos. Lembro-me do dia em que recebi a mensagem do professor Marcos Hübner, em abril de 2014, avisando que o semestre começaria em maio seguinte. Eu estava viajando com a mãe, li a mensagem antes de sair para mais um dia de passeio. Naquele dia, porém, minha cabeça estava em Caxias do Sul.

Na lembrança seguinte, estou na Biblioteca Central em junho de 2014, meio deslumbrada. Havia dobrado de tamanho desde a última vez em que estive lá no final dos anos 1990. Naquele dia, de jogo do Brasil na Copa, conheci meus colegas de curso, com quem dividi tantas conversas boas desde então.

A grande novidade das últimas semanas foi que vou conseguir adiantar o Estágio I, que a princípio faria apenas em março de 2018. Uma pergunta desinteressada resultou em uma resposta prontamente positiva da coordenadora. Depois de alguns dias de angústia, consegui um novo estágio supervisionado, que vou conseguir começar bem quando queria, na metade de outubro, depois de outra viagem com a mãe. 🙂 Parece-me uma boa forma de fechar um ciclo.

Estágio quase oficializado

Completei três semanas de estágio, mas oficialmente ainda não o comecei. É que o termo de compromisso de estágio ainda está em vias de ser concluído e sem isso nem poderia tê-lo começado.

Antes de o semestre começar, meu supervisor havia me enviado um documento, no qual havia a lista dos dados que precisaria coletar para submeter o pedido de estágio no sistema do Programa Integrar. Ainda bem que ele fez isso, pois de outro modo só descobriria ao simular a inscrição, já que não há um manual ou passo a passo no site do programa de estágios.

Coletei as informações e no dia 30 de julho entrei com os dados no sistema (já havia tentado outras vezes, mas a inscrição não se completava). Lá só havia o nome de uma professora que não conheço, mas como era a que estava nomeada na disciplina Estágio II, completei a inscrição. No dia seguinte, para minha surpresa, haviam inserido o nome de outros professores. Lá fui eu fazer uma nova inscrição, com o nome do supervisor – o que causou um problema, pois agora eu tinha dois pedidos para o mesmo estágio.

O supervisor logo revisou o pedido em que havia seu nome e o processo começou a ser avaliado pelo setor de estágios. Recebi um e-mail pedindo para alterar uma informação. Fiz isso imediatamente, mas nada de o processo andar. Aí, dias depois, descubro que não reenviei a proposta de estágio. Não adiantava ter salvado, tinha que clicar em um botão localizado bem longe do botão de salvar para reenviar. Com uma pessoa da UCS ao telefone, tive de alterar a data do estágio para reenviar.

O supervisor revisou o documento superrápido e finalmente o processo foi aprovado. No sistema estava algo como “aguardando assinatura”. Pensei: legal! Agora a UCS vai assinar e tudo certo. Qual a minha surpresa ao saber muitos dias depois que eu deveria ser a primeira a assinar. Que frustração! Como eu iria adivinhar isso?

Agora o documento será assinado pela responsável legal da biblioteca e novamente terei de ligar para a UCS para saber como enviar isso, se por e-mail, pelo correio… pois essa informação não encontrei em lugar algum no site…

Quando eu souber, descrevo aqui o processo todo, para ajudar os futuros estagiários a não perderem tanto tempo. Eu mesma, no próximo, planejo começar apenas um mês depois do início das aulas, para evitar esse tipo de descompasso.

Penúltimo semestre do curso

O tempo passa independentemente do que fazemos, se trabalhamos ou estudamos muito, se ficamos apenas vendo televisão ou lendo os livros preferidos. Todo mundo sabe quantas horas temos em um dia e quantos dias há em um ano.

Ainda assim, parece que sempre sou pega de surpresa ao pensar sobre o tempo. Aconteceu agora mesmo! Estava fechando a matrícula do segundo semestre de 2017, meu penúltimo período na UCS, e de repente me vi tomada por um deslumbramento.

Uau! Faltam apenas dois semestres para encerrar o curso. Duas disciplinas e dois estágios no total. Parece pouco. De certa forma, é. Apesar de os estágios demandarem, imagino, um esforço extra.

Estou muito animada por chegar finalmente a hora de colocar em prática o que venho aprendendo há anos. Em alguns momentos me sinto superinsegura. Noutros, acho que estarei tão feliz que não sentirei as dificuldades.

Acho que ainda preciso ajustar um pouco esses sentimentos. 🙂

No próximo semestre terei as duas disciplinas finais: Informação para o Desenvolvimento SustentávelAdministração de Serviços. Além disso, farei meu primeiro estágio obrigatório.

Horas complementares

O curso de Biblioteconomia ead da UCS é composto por 158 créditos referentes às disciplinas dos oito semestres. Para concluir o curso, porém, é necessário apresentar mais 120 créditos de atividades complementares.

No meu caso, que já completei cinco semestres, contabilizo 130 créditos realizados, ainda faltam 28 referentes aos três semestres faltantes, ou seja, bem pouquinho! 🙂 Já para completar as 120 horas complementares ainda me faltam 30 créditos.

As minhas atividades complementares foram compostas por palestras assistidas na UCS (aos sábados de prova, quando são realizadas atividades à tarde), pela Semana Acadêmica, por cursos e por uma monitoria. Agora ainda tenho algumas de cursos e palestras que precisam ser autorizadas pela coordenação do curso. Acho que até o próximo semestre terei conseguido comprovar todas as horas necessárias.

A UCS oferece um documento completo sobre as horas. No tal documento, há uma lista do que podem ser consideradas atividades complementares:

São consideradas atividades complementares:

  • Atividades de Ensino – disciplinas não previstas no currículo do curso, monitorias (institucionais ou voluntárias), cursos de certificação (aperfeiçoamento, atualização, complementação etc.), bem como cursos de língua estrangeira (PLE).
  • Atividades de Pesquisa – iniciação científica (institucional ou voluntária), publicações, produções culturais e artísticas.
  • Atividades de Extensão – seminários, congressos, simpósios, conferências, ações comunitárias, estágios, bolsas de iniciação profissional, gestão de órgãos de representação estudantil, representação discente em órgãos colegiados, atividades profissionais, entre outras.

Primeira turma de biblioteconomia da UCS

No dia 10 de setembro fui a Caxias do Sul para a primeira etapa de provas deste semestre. Foi muito legal encontrar alguns colegas depois de ter feito as provas em Vacaria na última vez, mas o mais bacana deste dia foi ver a animação e alegria das colegas que estão prestes a concluir o curso.

Enquanto nós realizávamos as provas e assistíamos à palestra da tarde, as meninas faziam fotos que vão entrar para a história pessoal de cada uma, mas também para a do nosso curso. O professor homenageado, como não poderia deixar de ser, foi o professor João Borges.

Desejo uma carreira brilhante a cada uma delas.

Blog do Diretório Acadêmico

Desde o final do ano passado temos um Diretório Acadêmico, que se chama DA João Barbosa Coelho.

Há poucas semanas a turma do DA criou um blog para dar dicas e informações sobre o curso e falar de um assunto muito legal: a primeira Semana Acadêmica de Biblioteconomia, que será realizada em abril.

Para saber de tudo isso, basta acessar o blog: http://dajoaobarbosacoelho.blogspot.com.br

Alteração na avaliação

A partir deste semestre, o sistema de avaliação adotado pela UCS para o curso será diferente. Agora, os trabalhos on-line valem 4 pontos. A prova passa a ter nota máxima 6. Antes precisávamos acertar 60% da prova, cuja nota seria acrescida à nota dos trabalhos. Agora se tiramos 2 pontos na prova (40% da prova), somados aos 4 dos trabalhos, já passamos com média 6.

Ficou bem mais fácil para passar, mas sempre fico em dúvida se é acertado facilitar demais.

Disciplinas oferecidas no curso da UCS

Dias atrás postei sobre o processo de matrícula. Hoje compartilho o plano curricular do curso de Biblioteconomia EAD da UCS: http://www.ucs.br/portais/curso218/plano/GRA000905/AV/

Assim é possível ter uma ideia de como os conteúdos estão distribuídos ao longo dos semestres.

Para quem quiser conhecer outros cursos de Biblioteconomia brasileiros, seguem alguns links:

UFMG – http://150.164.98.236:8080/colgradbiblio/formularios/grade-curricular-diurno

UFSC – http://biblioteconomia.ufsc.br/files/2014/10/Projeto-Pedag%C3%B3gico-do-Curso-de-Gradua%C3%A7%C3%A3o-em-Biblioteconomia1.pdf

Unirio – http://www2.unirio.br/unirio/cchs/eb/copy2_of__APNDICE

Matrícula

Nos primeiros dois semestres, a matrícula foi realizada meio que de forma automática.

No primeiro semestre, que na verdade foi apenas um trimestre, a coordenação ofereceu três disciplinas, sendo uma delas uma introdução ao universo da educação a distância. Tivemos ainda Normalização I e Introdução à Biblioteconomia. Todos cursamos as mesmas matérias.

No segundo semestre, também foi realizada a matrícula automática, mas as disciplinas cursadas pelos colegas que entraram junto comigo na turma de maio de 2014 já não foram totalmente iguais. É que alguns já tinham realizado, por exemplo, disciplinas de administração em suas primeiras graduações. Ou seja, já tinham cumprido esses créditos.

Já neste terceiro semestre, o cenário da matrícula é um pouco diferente. Nós pudemos escolher o que queríamos fazer, pelo menos foi o que me pareceu. Eu cliquei nas disciplinas apontadas como sendo do terceiro semestre, mas tive acesso também às oferecidas no quinto semestre. Como não consigo realizar mais do que seis matérias por semestre, nem passou pela minha cabeça escolher aquelas de mais adiante.

Notei ao olhar os perfis dos colegas que muitos farão algumas disciplinas do primeiro semestre, as quais eu consegui reaproveitar de meu primeiro curso de graduação. Assim não são muitos os colegas que estão fazendo exatamente o mesmo que eu neste próximo período.

De forma resumida: a matrícula é feita pelo aluno durante um período determinado. O aluno deve escolher pelo menos 12 créditos (em média isto equivale a três disciplinas). Se quiser realizar o curso nos quatro anos propostos, é necessário sempre pegar todas as matérias oferecidas para aquele semestre.

Por enquanto estou seguindo o curso de maneira bastante ordenada.